Histórico! Denver Nuggets vence Sacramento Kings e se classifica pela primeira vez desde 1995, Nenê faz 12 pontos e é o primeiro brasileiro a disputar os playoffs da NBA

Colunista Convidado: Paulo Roberto Araujo Filho

Noite histórica em Denver! O Nuggets confirmou sua classificação aos playoffs da NBA pela primeira vez desde 1995, e o ala-pivô Nenê será o primeiro brasileiro na história a disputar a fase decisiva do melhor basquete do mundo.

NBA TV - Melhores Momentos do
Kings x Nuggets:
56k | 300k
Nestlé Crunch Time:
Miller, Camby:
56k | 300k
Consagrando uma recuperação recorde para um time que foi lanterna da liga em 2003 com apenas 17 vitórias em 82 jogos, o Denver Nuggets conquistou em casa na noite de segunda-feira sua 43a vitória na temporada: 97 a 89 (52 a 46 no intervalo) sobre o líder da Divisão Pacífico Sacramento Kings (55V-26D). Com a derrota do Utah Jazz (42V-39D) em Minneapolis para o Minnesota Timberwolves líder do Oeste (57V-24D) por 104 a 90, o time do Colorado garantiu a oitava posição e o retorno aos playoffs. Na última rodada, quarta-feira, o Denver encara o campeão San Antonio Spurs (56V-25D) só para definir seu adversário no mata-mata: Minnesota ou o próprio Spurs. Um público de 19.746 pagantes lotou o Pepsi Center, com destaque para o astro-rei Michael Jordan, que fez uma visita especial aceitando o papel de mentor do novato-cestinha Carmelo Anthony.

Nene
Nene.
NBAE/Getty Images

No entanto, o herói da classificação do Denver foi justamente o jogador com mais experiência de ter ido longe nos playoffs. O pivô Marcus Camby, vice-campeão da NBA em 99 pelo New York Knicks, brilhou com uma atuação completa com 21 rebotes, 12 pontos, 7 assistências e 5 tocos. O jogo foi decidido no garrafão. Nenê também se destacou com 12 pontos (6 finalizações certas em 11 tentadas), 11 rebotes, duas assistências, dois roubos de bola e um toco em cima do astro Chris Webber. Apesar de ter levado dois tocos do veterano pivô sérvio campeão mundial Vlade Divac, o gigante paulista superou uma contusão na mão direita e fez belas jogadas, como duas enterradas e uma bandeja de costas, equilibrando os duelos com os astros C-Webb (18 pontos e 7 rebotes) e Brad Miller (12 pontos e 8 rebotes). O cestinha do Nuggets foi o armador Andre Miller, que se recuperou das recentes más atuações anotando 21 pontos e 5 assistências. Carmelo Anthony, eleito o melhor jogador do Oeste na semana passada, ajudou com 17 pontos contra 20 do cestinha do Kings (e segundo cestinha da liga), o ala sérvio Peja Stojakovic. O Kings perdeu a chance de garantir o título simbólico da Divisão Pacífico que lhe dará a segunda posição na zona de playoffs do Oeste e a vantagem de decidir em casa até as semifinais de conferência, mas terá nova oportunidade quarta-feira contra o eliminado Golden State Warriors.

O clima no Denver foi de grande emoção e alegria. O Nuggets é o primeiro time da história a chegar aos playoffs depois de ter vencido menos de 20 partidas na temporada anterior. O time faz sua melhor campanha desde a temporada 1989-90 com uma arrancada final de cinco vitórias nos últimos seis jogos. Utah Jazz e Portland Trail Blazers chegaram a derrubar o Nuggets para décimo no Oeste, o técnico Jeff Bzdelik se viu envolto em rumores de demissão, mas o time se uniu em torno dele e conseguiu uma bela recuperação. A emocionante vitória sobre o Portland na prorrogação no sábado à noite deu uma injeção de confiança na vaga, prometida por Anthony. Contra o Kings, o Nuggets dominou o jogo e chegou a abrir 14 pontos de vantagem, mas levou um susto no último quarto com uma reação de 17 a 3 que empatou o jogo com uma cesta de Anthony Peeler a 6 minutos e meio do final. Mas aí Andre Miller decidiu com quatro cestas seguidas, Marcus Camby fechou bem o garrafão defensivo e deu um toco decisivo em Stojakovic, puxando o contra-ataque para uma enterrada de Carmelo Anthony que levantou a galera e abriu 91 a 87 no placar, o suficiente para matar o Sacramento.

- É fácil duvidar, é fácil criticar, mas estes atletas jogaram com todo o coração pela cidade de Denver. É preciso coragem e perseverança para não deixar as pessoas desafiarem sua confiança. Este time trabalhou duro e vai continuar melhorando. Estou extremamente orgulhoso de cada jogador - desabafou o técnico Jeff Bzdelik, aliviado.

- De 17 vitórias para 43 e os playoffs, é uma diferença como da noite para o dia. Eu procurei me superar nessa reta final, não só no jogo contra Sacramento, pois este é um time jovem e eu tenho experiência de playoffs, tentei tirar proveito disso. Somos um time de verdade e estamos chegando. Na última vez que me classifiquei em oitavo para os playoffs, cheguei às finais, o Knicks surpreendeu muita gente. Disse a meus companheiros para continuarem confiantes seja qual for o poderoso adversário que teremos, Minnesota ou San Antonio - afirmou Camby, que volta fazer uma ótima temporada depois de uma série de lesões que afetou sua carreira.

- É o melhor momento da minha carreira, espero que o Brasil inteiro fique feliz com essa classificação do Denver - festejou Nenê.

- Estava com uma dor de cabeça muito forte, sentia a visão turva e o ginásio se movendo. Mas ganhamos o jogo na presença de Michael Jordan, então esqueci a dor. Ainda não caiu a ficha que vamos aos playoffs. Podem vir falar comigo amanhã, daí eu posso responder melhor as perguntas, ainda não assimilei direito - vibrou Carmelo Anthony na coletiva após o jogo.

Mais de 20 mil pessoas se reuniram na saída do ginásio para festejar um momento que o Denver não vivia havia nove anos. Alguns jogadores foram cumprimentar a torcida.

- Eu chorei a noite inteira. Voltar aos playoffs é algo inacreditável depois de tantos anos de sofrimento - comemorou o torcedor Vick Ray, que tem cadeira cativa do Denver desde 94.

- Eu disse no sábado que a classificação era nossa. Vocês vão aprender que sou um cara que cumpre a palavra - disse Carmelo Anthony.

Perfil de Paulo Roberto Araújo Filho

Paulo Roberto Araújo Filho , 25 anos, é o jornalista responsavel pelo site http://www.basketbrasil.com.br. Foi locutor e repórter da rádio comunitária Vitrola FM em São Caetano do Sul antes de ingressar como estagiário no LANCE!, maior jornal de esportes do Brasil, dois dias antes da Copa do Mundo de 1998. Especializou-se na cobertura de estatísticas esportivas, handebol e basquete (nacional e NBA) antes de se tornar chefe da edição de Curitiba e posteriormente editor na edição principal, de São Paulo. Mesmo com a promoção, continuou a escrever matérias e colunas sobre a NBA, além de especiais sobre outros esportes. No LANCE!, participou como editor das coberturas de três GPs do Brasil de Fórmula 1, Copa do Mundo de futebol (2002), Olimpíadas de Sydney-2000 e Jogos Pan-Americanos de 2003.

NBA nas redes sociais

Vídeo

  • James Gets Busy

    Mike James abuses the defender with the sick step back jumper and drills the triple.
  • Simmons and Graham Highlights

    Check out the highlights from Jonathan Simmons (Championship game MVP, 23 points) and Treveon Graham (22 points) in the Spurs win over the Suns.
  • Oop to Simmons

    Kyle Anderson launches the deep alley-oop lob to Jonathan Simmons who throws it down with two hands.
  • Anderson's Amazing Dime

    Kyle Anderson delivers the amazing behind-the-back dish to Shannon Scott for the deuce.
  • Suns vs. Spurs

    Becky Hammon guides the Spurs to the Las Vegas Summer League title as Jonathan Simmons wins championship game MVP in the 93-90 win over the Suns.
  • Spurs Win Summer League Championship

    Becky Hammon leads the San Antonio Spurs to a championship in the Las Vegas Summer League. Jonathan Simmons wins Summer League Championship game MVP.
  • Spurs Win Summer League Championship

    Becky Hammon leads the San Antonio Spurs to a championship in the Las Vegas Summer League. Jonathan Simmons wins Summer League Championship game MVP.
  • Quick Steal and Slam

    Mike James makes the quick steal and goes in for the one-hand jam.
  • Quick Steal and Slam

    Mike James makes the quick steal and goes in for the one-hand jam.
  • Atkins And-one

    Darion Atkins follows the miss with an athletic tip-in plus the foul.
  • Jeff Hornacek Interview

    Suns head coach Jeff Hornacek talks about his team during the Vegas Summer League championship game.
  • Anderson's 22 Points

    Kyle Anderson puts up 22 points and eight rebounds to lead the Spurs over the Hawks.